Brinco de Ouro Masculino

Cada vez mais podemos ver homens usando brincos masculinos. Aquela idéia antiquada sobre o uso de acessórios e gênero não poderia ser mais defasada. Vemos esses acessórios masculinos enfeitando as orelhas dos famosos, como os jogadores David Beckham e Cristiano Ronaldo, ou os atores hollywoodianos Johnny Depp e Will Smith. Se você também quer entrar nessa moda e ainda tem dúvidas de como usar um brinco masculino de ouro, prata ou argola, continue lendo, pois moda masculina e suas melhores tendências é assunto aqui no nosso blog!

Brinco masculino: de ouro ou de prata?

Uma dúvida comum do público masculino na hora de escolher brincos é acerca do material e cor.

Adiantamos, que escolher brincos masculinos de material nobre como o ouro e a prata são sempre a melhor opção. Isso porque são materiais duradouros, de qualidade e também hipoalergênicos, assim prevenindo inflamações, rejeição da peça e alergias.

Além disso, materiais considerados nobres são os mais versáteis, permitindo o uso dos brincos masculinos em diferentes ocasiões.

Com esses pontos claros, voltemos a nossa indagação inicial: ouro ou prata?

Escolher um brinco masculino de ouro ou prata em primeiro lugar vai de opinião e gosto pessoal. Além disso, outra questão para guiar a escolha (porém não é uma regra!) é o tom de pele do usuário.

Cada tom de pele assenta melhor com um tom de ouro ou prata. Detalhes como o brilho da peça, se um fosco é melhor, ou o tom do material também se encaixam nisso. E a melhor maneira de saber qual tom é melhor para sua pele, é experimentando! Portanto, tente antes de fazer a compra, ver qual tipo de material você acha que fica melhor com o seu tom de pele.

Qual orelha usar?

Alguns preferem usar na orelha esquerda, outros na orelha direita, e ainda há homens que optam por usar brincos nas duas orelhas. Isso vai muito de estilo e escolha pessoal. Para saber mais, escrevemos um artigo que aborda essa questão, confira: 4 mitos sobre o uso de brincos de argola masculino.

Brinco masculino de ouro no trabalho

Outra dúvida sobre o uso do brinco masculino é no ambiente de trabalho. Via de regra, para esse tipo de ambiente (e também para outros mais formais), quão mais tradicional e mais formal é o ambiente ou ocasião, mais delicado e discreto deve ser o brinco masculino.

Por esse motivo muitos homens optam pelo brinco de ouro ou prata masculino de bolinha.

Caso ainda se sinta inseguro, note o dress code do ambiente, mas saiba que com discrição e materiais nobres, não é deselegante continuar com o seu brinco masculino!

Ainda possui dúvidas sobre brincos masculinos ou qualquer item de moda masculina? Conte pra gente nos comentários! A sua dúvida pode virar um artigo aqui no blog!

Brinco de Argola Masculino

O brinco de argola masculino já é moda e tem cada vez mais homens aderindo a ela. Seja num estilo casual ou jovial, esse é mais um dos acessórios masculinos que pode transformar um look! No entanto, há vários mitos e dúvidas acerca do uso desse acessório! Vamos saber mais sobre?

Brinco de argola masculino, em qual orelha?

Já reparou que a maioria dos homens que tem um brinco masculino na orelha geralmente optam por furar a orelha esquerda?

Repare bem. É comum ver homens que usam brinco na orelha esquerda, ou brinco nas duas orelhas, mas é raro achar na direita. Ficou curioso? Vamos explicar de onde vem esse costume!

Bem antigamente, a orelha em que um homem usava seu brinco era um indicativo de sua orientação sexual.

É dito que para os homens heterosexuais o furo do brinco deveria ser na orelha esquerda, enquanto o brinco na orelha direita era para indicar homosexualidade. Mas hoje, isso não passa de um mito, e a escolha de qual orelha usar o brinco masculino não tem esses significados.

Qual a idade para usar brinco de argola masculino?

Outro tema que muitos homens indagam é sobre a ‘’idade certa’’ para se usar o acessório.

Diz-se que aos 50 anos o homem deve parar de usar brinco. Mas temos aí o ator de hollywood considerado como símbolo sexual masculino Johnny Depp usando brincos de argola e de outros modelos aos seus 54 anos de idade e continuando um charme!

Portanto, podemos ver que essa é outra lenda da moda! O uso do brinco e a idade tem muito mais a ver com personalidade e estilo, e não uma regra sobre idade!

Não se pode usar brincos masculinos em ambientes formais?

Outro mito da moda é sobre a questão de uso de brincos em ambientes mais sérios, formais ou executivos.

Nesse caso, o queridíssimo brinco de argola masculino realmente não é a melhor opção, mas você pode usar brincos nesse tipo de ambiente sim, seguindo a regra de ouro básica para uso de acessórios nesse tipo de ocasião: discrição e harmonização.

Escolha um brinco menor e discreto, e pode usar!

Não posso misturar brincos de argola prata com relógio dourado?

Ou relógio prata com brincos dourados. Esse tópico se refere a mistura dos tons de dourado e prateado. Enquanto os mais tradicionais vão achar essa mistura um pecado, ela deixou de ser deselegante tanto no universo feminino quanto no masculino. De novo, a regra é não cometer exageros e harmonizar com o resto do visual.

E você? Já escutou alguma outra regra sobre o uso desse acessório? Conte pra gente nos comentários!

Bracelete de ouro masculino

O homem moderno, hoje, quer muito mais do que estar simplesmente bem vestido. Ele quer ser referência de estilo. E para isso, os detalhes fazem toda a diferença. E quando falamos em detalhes que fazem diferença, o melhor jeito de dar um toque a mais no visual é através de acessórios.

Os acessórios e jóias masculinas são capazes de transformar, incrementar e sofisticar um visual, destacando e dando elegância, e isso é verdade especialmente para o uso de pulseiras e braceletes masculinos.

Tendo isso em vista, que tal aprender mais sobre como usar braceletes masculinos para deixar o look mais sofisticado? Confira as nossas dicas de como combinar esses acessórios!

O clássico: combinando com relógio

Essa é a combinação mais clássica do homem moderno: Relógio em conjunto com pulseira. Por ser a combinação mais fácil, é também a mais usada.

O relógio é um acessório extremamente usado no dia a dia masculino, e para destacá-lo, conferindo um toque a mais tanto ao relógio quanto a roupa, o uso de pulseira em conjunto é o ideal.

Escolha cores que harmonizem com a roupa e com o relógio, mas que sejam neutras para acertar em cheio nessa combinação!

É também a melhor opção para quem não está muito acostumado com o uso de jóias masculinas, e ainda assim querem aproveitar a elegância que elas são capazes de transmitir.

Bracelete de ouro masculino

Se você já é mais acostumado e se sente mais confortável no uso de acessórios de pulso masculinos, essa é a melhor opção.

O bracelete de ouro masculino é um acessório que destaca e confere beleza e elegância as looks. São acessórios maiores, e por isso chamam mais atenção.

Ficam ótimos para estilos urbanos ou casuais, e dão muito mais vida a peças informais.

Se você deseja usar o bracelete de ouro masculino em situações mais formais, também é possível! Confira clicando aqui as nossas dicas para usar acessórios masculinos como o bracelete de ouro junto ao terno!

Pulseira solo ou bracelete fino

Essa opção dá um toque sutil e discreto no look. A idéia é usar apenas uma pulseira discreta ou bracelete fino no pulso.

É uma opção que casa com todo o tipo de look, tanto os informais quanto os formais, bastando se atentar a harmonização com o resto da roupa, e dando até a opção do uso de pingentes, caso deseje.

Vale a pena chamar atenção aqui para o uso formal desse tipo de peça: É liberado, mas quando usada em ambientes formais, é preciso escolher bem o material da peça. A pulseira ou bracelete deve ser de ouro, prata ou outros materiais nobres.

Pronto! Agora você já sabe como usar pulseiras para incrementar o seu visual! Que tal dar uma olhada nos nossos outros artigos e descobrir como montar looks muito mais bonitos?

Anel de prata masculino

Uma coisa é fato: a moda masculina mudou. E isso é ótimo! Antes, se um homem queria mexer no visual, tinha poucas opções de acessórios, um relógio…. um escapulário… mas daí não se desenvolvia em muita coisa. Mas hoje, há jóias masculinas para todos os gostos e estilos, e aqui no blog tentamos um pouco delas, e o assunto da vez é o Anel de Prata Masculino!

São tantas opções, estilos, tamanhos no mercado que às vezes deixam a hora da escolha confusa. Mas você pode dar um ‘’up’’ no visual tanto casual quanto formal com esse acessório se souber escolher! Para isso, vamos a algumas dicas?

Anel de prata para um visual masculino discreto e sofisticado

Apesar do mercado disponibilizar as mais variadas cores, materiais, modelos e tamanhos, se a sua intenção é elegância, sofisticação mas ainda assim discrição e sobriedade, a primeira coisa que você tem que prestar atenção na hora de escolher um anel masculino é o material do qual ele é feito. Isso é válido principalmente para situações formais.

Quanto a materiais, sempre nobres, não basta ele ser prateado, tem que ser anel de prata mesmo! Além disso, no mercado tem as opções de ouro amarelo ou ouro branco. Prata no entanto é mais fácil para combinar.

Quanto ao tipo, se preferir, pode escolher um modelo com alguma pedra, mas opte por um design clean e moderno, de espessura mais fina.

Na hora de combinar com a roupa, escolha roupas clássicas e discretas, de cores neutras, para harmonizar o visual e dar destaque ao anel.

Estilos urbanos, casuais e modernos

Hoje é super comum o visual despojado entre os homens, e para esse tipo de look, o anel masculino tem uma importância e um caimento excelente! O anel masculino em looks desse tipo consegue passar certa irreverência sem perder a elegância.

A gama de escolha de anéis aqui vai mais da personalidade, e é mais usado no dedo médio. Alguns homens gostam até de usar mais de um anel no mesmo dedo, que também tem um charme, cheio de atitude!

Estilo rock n roll

Para quem é adepto do estilo metal ou rock n roll, a melhor pedida são anéis mais pesados e grossos.

No design, é muito comum achar modelos com caveira, símbolos relacionados a mitologia, armas ou até das bandas preferidas!

Como esse é um tipo de anel cheio de atitude, roupas que sigam o mesmo tema são as que ficam melhor numa questão de harmonização.

Estilo dos famosos

Há ainda os que preferem o estilo de estrelas do cinema como Johnny Depp e o ator Jason Momoa.

Aqui, a idéia é usar vários anéis e acessórios, pesados, finos, mas que harmonizem de alguma forma com o look, dando uma aparência urbana, e até meio cigana.

E você? Qual o seu tipo de anel preferido? Conte pra gente nos comentários!

Anel de Ouro Feminino

As alianças de casamento, geralmente um anel de ouro feminino e um masculino, são o símbolo da união de um casal, a concretização de uma promessa e o amor entre eles. É um acessório para toda vida para se usar com sua melhor metade.

Quando entendemos isso, vemos a importância da aliança e de sua escolha. No Brasil, geralmente a aliança de casamento é um anel de ouro liso, mas mesmo no tradicional ainda temos opções e abertura para personalizar os anéis de ouro de forma que tenham mais a ver com o casal!

Vamos ver algumas dicas de como você pode escolher sua aliança de ouro feminina?

Escolhendo seu anel de ouro

Espessura do anel

Você pode começar a customizar sua aliança pela espessura do anel de ouro. Geralmente, a opção feminina são os anéis de ouro mais finos e delicados.

O anel de ouro fino fica bom para mãos mais grossas e dedos mais curtos, para mulheres.

Já o anel de ouro mais espesso é melhor para dedos mais finos e longos, e mãos masculinas.

Na hora de escolher, experimente de acordo com essas dicas e veja o que fica mais harmonioso com a sua mão, e também confortável! Lembre-se, você vai usar esse anel por muito tempo!

Material do anel

Como dissemos, o tipo de anel mais tradicional para alianças são os de ouro amarelo. No entanto, se você quer sair do padrão clássico, o ouro branco é uma ótima opção.

Além disso, há opções com titânio ou platina, que são mais puxados para o tom de prata, e que são resistentes e também modernos.

Outra opção para inovar e sair do tradicional anel de ouro é escolher alianças de duas cores, como ouro amarelo com detalhe em ouro branco, por exemplo.

Qualquer seja sua escolha em relação a cor, é importante ressaltar que o material do anel seja nobre, ou seja, ouro, prata, titânio ou platina.

Acabamento e design

O acabamento mais tradicional para alianças de ouro é do tipo polido, que são as mais brilhantes. No entanto, há opções de alianças foscas no mercado, para quem preferir mais discrição.

Quanto ao design, você pode optar pelo modelo liso ou procurar uma aliança mais exclusiva, com detalhes de design mais exclusivos ou aplicados a peça, como listras de diferentes texturas por exemplo.

Outra idéia, é ter aplicações de pedras, como diamante, rubi, esmeralda, etc.

Gostou das nossas dicas? Conte pra gente nos comentários qual o tipo de aliança de ouro que você acha mais bonito!